Como Determinar O Tráfego De Um Blog

20150722170257-online-marketing-research

Como Ser Um Bom Colaborador Freelancer Em 5 Passos


A computação que conhecemos está desaparecendo nos dispositivos ao nosso redor. Teremos cada vez mais micro computador em tudo, mas perceberemos cada vez menos. A IA está redefinindo como os programas são escritos: humanos colaborando com computadores vão alavancar a programação de sistemas de um jeito que nenhum dos 2 conseguiria elaborar sozinho.


O que está mudando é o casamento das linguagens de interface com IA, que tende a revolucionar o futuro da programação. “There is no killer application. O homem não é o animal de forma acelerada e nem ao menos o mais o potente do planeta, entretanto foi ele que chegou à Lua: a inteligência supera todas as algumas habilidades. Desse modo, quem detém inteligência, possui a ferramenta mais robusta do planeta. Deste jeito, há décadas se procura e estuda o cérebro humano afim de replicar (e exceder) artificialmente a inteligência humana.


O recurso projetado para esta finalidade é denominado como deep learning: um sistema que se auto-programa de modo a entender e evoluir (automatic programing). Isto não é novidade e neste momento tem sido montado e aplicado há décadas. O que mudou hoje foi a escala do procedimento devido ao acrescento da técnica computacional: os pcs hoje em dia são capazes de investigar mais dados simultaneamente ampliando a quantidade de sinapses dos processos.


Um dos grandes desafios pela era da internet das coisas é como manter todas as “coisas” carregadas pra permanecer operando conectadas. Vários experimentos vêm sendo desenvolvidos nessa área, como, tais como, dispositivos wi-fi que conseguem gerar energia e se comunicar por intermédio da captação de sinais de outros dispositivos wi-fi nas redondezas, como smartphones e TVs, a título de exemplo. Essa tecnologia, chamada de “power dust”, tem potencial pra revolucionar o funcionamento de dispositivos e fabricação de Aplicativos que utilizem estas funcionalidades.


Assista o video (em inglê). As pessoas estão mudando mais rápido como compram e pagam, transformando o recinto financeiro. O futuro é digital e mobile por natureza e, nesse contexto, o desafio pros bancos é formar boas experiências para as pessoas nos seus smarphones. A indústria financeira tem sido impactada por novos entrantes, como o Alibaba, que passam a competir com bancos nos serviços de crédito e fornecendo cada vez mais experiências melhores aos usuários.


Sendo assim, marcas, e não bancos, estão definindo o futuro desta área. O canal mobile não é somente o que mais cresce para bancos, no entanto em muitos casos ele é o único. Tim Kendall, do Pinterest, trouxe novas reflexões significativas a respeito da plataforma declarando que o Pinterest não é uma mídia social, entretanto uma ferramenta sobre você e os seus interesses - uma plataforma por ti planejar o teu futuro.



  • Tema premium
  • Presença de imagens
  • 4 - Inserindo tema para obter dinheiro no YouTube
  • Como personalizar teu Blog pra deixá-lo com a tua cara
  • Desenvolvimento da Metacompetência pro Universo do Serviço
  • Faça login no Blogger, entre em “Postagens” -> “Nova Postagem“
  • 7 Categorias de Base
  • vinte e nove Boletim extra - I GP Wikimedia Brasil


Um modelo disso é que uma imagem de comida com receita de que forma se fazer um prato específico podes gerar links pela Amazon pra relação de desejos dos utensílios usados. Uma das novidades no Pinterest que favorecem esses processos é o KNIT, um pin cinemático em que a imagem de move pra frente ou pra trás conforme fazemos o rolamento do mouse.


Segundo Kendall, com movimento é que se cria brand awareness. O desafio para a interface da plataforma é ter a todo o momento visual agradável e impressão de conforto no uso. Manuel Bronstein, do YouTube, abordou o aspecto de que forma tornar uma plataforma de massa em experiências customizadas. O YouTube hoje recebe um bilhão de pessoas todos os messes para assistir os seus vídeos, e para tornar a plataforma em pessoal é preciso cruzar os dados destas pessoas com os conteúdos que elas gostam.


Isso está altamente relacionamento com “conteúdo & contexto” - sabendo quem você é, o que você gosta e que aparelho você está usando, é possível selecionar a melhor experiência de conteúdo para ti. Tendo como exemplo, o mesmo tema poderá ter um design desigual para encantar as meninas. As recomendações do YouTube ajudam para que as pessoas não precisem fazer uma nova busca, todavia continuem navegando de modo mais customizada. Essas recomendações são diferentes dependendo do aparelho usado no momento.